De olho nas eleições 2022, candidatos anunciam obras milionárias no RN

De olho nas eleições 2022, candidatos anunciam obras milionárias no RN
Redes Sociais

A apenas 12 meses das eleições majoritárias, candidatos em busca de votos para se eleger, ou se reeleger, usam todas as armas que possuem para atrair a atenção e os votos do eleitorado e anúncios de obras estruturantes começaram a ser feitos em todo o Rio Grande do Norte nas últimas semanas. A governadora Fátima Bezerra (PT), candidata natural à reeleição, noticiou um pacote de obras nas áreas de infraestrutura viária, educação, saúde, segurança pública e habitação popular com investimentos de quase R$ 500 milhões até o fim de 2022. Já o pré-candidato ao Senado, ministro Rogério Marinho afirmou já ter destinado, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional, cerca de R$ 3,5 bilhões ao Estado.

Esse montante de verbas em obras públicas prometidos recentemente por ambos é muito bem-recebida pelos potiguares, mas, pela proximidade das eleições majoritárias, levantam a suspeita de políticos mais experientes, que questionam os valores anunciados e as obras em si, como também uma aparente “queda de braço” para ver quem está investindo mais no Rio Grande do Norte.

Para o deputado estadual José Dias (PSDB), todo e qualquer investimento que seja feito com o intuito de resgatar a dignidade por meio da melhoria das condições de vida da população é bem-vinda, mesmo que seja às vésperas de uma eleição: “Que seja perto ou não das eleições ou se estiverem querendo mostrar quem investe mais, para mim, o que importa de verdade é que eles tragam benefícios reais e duradouros para a sociedade potiguar”, afirmou deputado José Dias.

Já o deputado Tomba (PSDB), foi mais ácido em sua análise: “Lógico que ela fala essas coisas porque estamos perto das eleições. Não posso acreditar em algo que não vejo, que não existe. Ela promete obras e investimentos milionários aos prefeitos quando Lula ganhar, mas sabemos que isso não vai acontecer. Ela anunciou, no início do governo, que iria recuperar as estradas. Não fez nada e já está prometendo de novo. Ela não paga os médicos, não paga comida e ainda fala coisa que não vai acontecer. Não acredito em nada do que ela fala”, falou.

Otimista e ponderada, a deputada Eudiane Macedo (Republicanos) disse que os investimentos nas áreas anunciadas pela governadora Fátima Bezerra são importantes porque melhoram as estruturas já existentes e as deixam mais próximas a atender às necessidades apresentadas pela população. “Todo investimento que resulte em melhoria na prestação dos serviços à população é bem-vindo, principalmente nas áreas anunciadas como saúde, educação, segurança pública e estradas. São áreas que possuem estrutura que infelizmente estão longe de atender a demanda existente na nossa sociedade”, afirmou.

Obras anunciadas

A governadora Fátima Bezerra anunciou, na última quarta-feira (13), o plano de obras nas áreas de infraestrutura viária, educação, saúde, segurança pública e habitação popular, que prevê investimentos de R$ 494,4 milhões até o final de 2022. Esse valor se refere a projetos recém-licitados, com licitações em andamento e processos licitatórios a ser lançados nos próximos meses. São reformas de hospitais, escolas, recuperação de estradas.

“Este plano é uma demonstração de que estamos conseguindo arrumar a casa, recuperando a capacidade de investimentos no RN. E esse valor de investimentos pode ser bem maior se o governo conseguir um empréstimo que está negociando junto a uma instituição financeira para a recuperação das rodovias estaduais. A melhoria das estradas tem uma relação direta com a interiorização do turismo, outra meta de nossa administração”, afirmou a governadora, na ocasião.

Rogério Marinho defende os investimentos feitos pelo governo federal no Estado e descartou a pecha de “obras eleitoreiras”. “O governo do presidente Bolsonaro está transformando a realidade do Rio Grande do Norte. Somente em 2020, foram R$ 812 milhões em recursos para apoiar o enfrentamento à pandemia e que teriam servido inclusive para ajudar o governo estadual a colocar os salários em dia. Mais de R$ 150 milhões em recursos para a área da saúde e custeio de ações de enfrentamento ao coronavírus. E quase R$ 200 milhões em segurança pública”, disse, em entrevista ao Agora RN no início do mês.

Fonte: Agora RN.


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *