Energia eólica fecha o ano com recorde no Brasil, em expansão puxada pelo RN

Redes Sociais


O Brasil registrou este ano “o maior incremento da história em capacidade instalada de energia eólica” e o Rio Grande do Norte, o maior produtor desse tipo de energia no país, foi o estado que mais puxou esse crescimento. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (16) pela Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica) a partir de dados consolidados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

O levantamento mostra que foram instalados no país mais de 3 Gigawatts (GW) em energia eólica em 2021, até novembro, e que a participação potiguar nesse total chegou a 44,19%, ou a 1,35 GW. Na sequência do ranking aparecem Bahia, com contribuição de 818,40 MW, ou uma fatia de 26,79%, Ceará (10,03%), Paraíba e Piauí.

Com a adição dos 3 GW, “o maior incremento na capacidade instalada de fonte eólica da história”, segundo a Aneel, a potência instalada da “energia dos ventos” no país alcançou 20,1 GW, o que representa participação de 11,11% das eólicas na matriz energética brasileira.

blog do BG


Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.