Forró é declarado patrimônio imaterial brasileiro pelo Iphan

Forró é declarado patrimônio imaterial brasileiro pelo Iphan
Redes Sociais

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) decidiu, nesta quinta-feira (9), declarar o forró como patrimônio imaterial brasileiro por unanimidade. A definição ocorreu em reunião extraordinária do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural da entidade, o qual também considerou a expressão musical como supergênero. O processo foi aberto em 2011.

De acordo com o órgão, o forró é considerado um supergênero por agrupar ritmos e expressões musicais como o baião, o xote, o xaxado, o chamego, o miudinho, a quadrilha e o arrasta-pé.

“Manifesto-me plenamente favorável ao registro pelo Iphan das matrizes tradicionais do forró, munidas das formas de expressão com abrangência nacional”, afirmou a relatora do processo na entidade, Maria Cecília Londres Fonseca.

O reconhecimento do forró como patrimônio imaterial do Brasil ocorre a apenas quatro dias do Dia do Forró, celebrado anualmente no dia 13 de dezembro. A data foi escolhida em razão do nascimento de Luiz Gonzaga, o Rei do Baião, em 13 de dezembro de 1912, maior expoente do supergênero brasileiro.

Conheça um pouco dessa história:

O forró é um ritmo musical muito conhecido no nordeste brasileiro, principalmente nos períodos de festividades juninas. Os artistas desse gênero tentaram contar a vida do homem sertanejo e a alegria do povo do sertão brasileiro em suas músicas. Com o tempo, foram criados dois tipos de forró, além do tradicional arrasta-pé, como o forró eletrônico e o universitário.

Com a criação do forró universitário e do eletrônico, esse ritmo musical se tornou ainda mais conhecido pelo país. Assim, o forró caiu nas graças de pessoas de todas as regiões do Brasil, principalmente com o sucesso de artistas como Wesley Safadão e Xand Avião. Com o aumento da popularidade do forró, esse estilo musical se tornou ainda mais forte na cultura e na história do país. Inclusive, muitas pessoas buscam fazer curso de dança para aprender dançar forro.

Qual a origem do forró ?

O forró é uma dança muito popular que se originou no Nordeste. A dança tem o acompanhamento de uma música que também é chamada de forró (também conhecida como forrobodó), o que torna a dança ainda mais animada, com acompanhamento da zabumba, da sanfona e do triângulo.

De acordo com pesquisadores do ritmo do forró, essa dança se originou no século XIX. Nesse período, as pistas de dança eram formada de barro, e por isso as pessoas dançavam arrastando o pé para que a poeira não levantasse, dando nome à dança de arrasta-pé (outro nome dado para a dança do forró).

Depois da criação do forró foram desenvolvidas diversas ramificações dessa dança, como forró universitário, forró pé de serra, forró tradicional e forró eletrônico.

 


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *