Governo do RN terá R$ 140 mi em maio e R$ 168 mi em novembro com recursos da reforma previdência

0
69

Essa conta foi feita após o presidente do IPERN, Nereu Linhares, informar ao SINSP que o Estado está arrecadando R$ 28 milhões mensais com a reforma da previdência. Com isso, entre janeiro e maio, o Estado terá arrecadado R$ 140 milhões e entre junho e novembro arrecadará mais R$ 160 milhões, suficientes para complementar o 13° de 2018, que ainda está atrasado e dar início ao pagamento de dezembro de 2018.

Como anunciamos no início de fevereiro, o Estado não tem dinheiro para pagar os valores prometidos para maio, mas apostava na arrecadação com a previdência e no ICMS para conseguir cumprir com sua dívida.

O secretário de Planejamento, Aldemir Freire deixou isso claro em entrevista para InterTV na sexta-feira, 5. Ele afirmou que o Estado está “juntando dinheiro” para poder pagar a partir de maio.

Caso o Estado utilize todo o dinheiro arrecadado com a reforma da previdência para pagar os salários dos atrasados, não será necessário dividir a dívida em dois momentos, como foi anunciado pela governadora. A ideia de Fátima Bezerra é pagar parte em maio e o restante até novembro de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui