Ministro da Cidadania João Roma pede exoneração do cargo

Ministro da Cidadania João Roma pede exoneração do cargo
Redes Sociais

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA), foi exonerado do cargo nesta terça-feira (16/11). A ato está publicado no Diário Oficial da União.

De acordo com o texto, a exoneração foi realizada a pedido do próprio ministro. A portaria é assinada pelo vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB) — o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está em viagem internacional a países árabes.

A reportagem procurou a assessoria do Ministério da Cidadania para prestar esclarecimentos sobre a exoneração, mas não obteve retorno até a publicação deste texto. O espaço segue aberto.

João Roma é deputado federal licenciado pelo Republicanos da Bahia. A exoneração do parlamentar pode ter sido solicitada para tratar de emendas parlamentares.

É o caso do ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, que pediu exoneração na última quinta-feira (11/11). Ele é deputado federal pelo DEM do Rio Grande de Sul e solicitou afastamento temporário para tratar de emendas.

As emendas parlamentares são uma forma de deputados e senadores participarem da elaboração do orçamento. Eles fazem destinações de recursos públicos para financiar uma obra ou projeto público em seus estados. O prazo para a indicação de emendas individuais deste ano está próximo de encerrar, segundo cronograma do Ministério da Economia.

Metrópoles


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *