MP recomenda que prefeito exonere três filhas de vereador por nepotismo, Vixe se essa onda pega

MP recomenda que prefeito exonere três filhas de vereador por nepotismo, Vixe se essa onda pega
Redes Sociais

O prefeito de Mossoró, Alysson Bezerra, recebeu do MP-RN a recomendação de exoneração de pelo menos três funcionárias da Administração municipal.

O Ministério Público entende que há crime de nepotismo na contratação das servidoras. As três funcionárias são: Laura Tamara Alves de Araújo Queiroz, que ocupa o cargo comissionado de Diretora de Unidade Secretaria de Administração, Thaís Alves de Araújo, que ocupa o cargo de Gerente Executivo na Secretaria de Saúde, e Hanna Evelyn Medeiros de Araújo, que ocupa o cargo de Chefe de Divisão no gabinete do prefeito.

As três comissionadas são filhas do apoiador de Alysson, o vereador Raério Emídio de Araújo, o “Raério Cabeção”. A recomendação deve ser cumprida em um prazo de 10 dias, e o prefeito deve comprovar as medidas tomadas a 19° Promotora de Justiça,  através dos atos de exoneração das funcionárias. A prefeitura ainda não se pronunciou sobre o caso.

Mossoroense


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.