MPRN recomenda torcida única para clássicos entre ABC e América

MPRN recomenda torcida única para clássicos entre ABC e América
Redes Sociais

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou à Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF) que adote, de forma imediata, jogo de torcida única quando se tratar de confronto entre ABC Futebol Clube e América Futebol Clube. A recomendação foi assinada nesta sexta-feira (4) e será publicada na edição deste sábado (5) do Diário Oficial do Estado (DOE).

A Federação de Futebol deve liberar o acesso à praça esportiva apenas da torcida do clube mandante do jogo. Em inexistindo espaço exclusivo para torcida visitante, que somente poderá ter acesso à área mista do Estado e desde que não ostente símbolos (bandeiras, acessórios, camisas, etc) ligados às torcidas organizadas.

O MPRN também recomendou ao comando da Polícia Militar que fiscalize situações de risco, buscando evitar confronto entre torcedores, que seja determinado o uso do poder polícia, de forma motivada, para controle e acesso de torcedores com camisas do time adversário.

Aos clubes ABC e América, o MPRN recomendou que se abstenham de realizar qualquer tipo de evento no dia do jogo, sem que antes seja autorizado e vistoriado pela PM, inclusive devendo ser vedado o acesso do torcedor às dependências do complexo esportivo sem prévia revista de segurança por parte da Polícia Militar. A FNF tem prazo de 48 horas para informar sobre o atendimento da recomendação.

A recomendação é baseada em vasto material apresentado pelo Comando da Polícia Militar, onde se verificou inúmeros atos de vandalismo, crime e total descaso com o que define o Estatuto do Torcedor como normas a serem observadas pelas Torcidas Organizadas.

O MPRN reforça que esses atos criminosos têm sido praticados de forma reiterada nos jogos entre ABC Futebol Clube e América Futebol Clube, colocando em risco a integridade física de todos que se deslocam até as praças esportivas, inclusive os profissionais envolvidos no evento. Além disso, a proteção aos interesses coletivos do torcedor deve prevalecer sobre quaisquer outros interesses financeiros ou particulares, seja do torcedor, seja de agremiações envolvidas no certame em andamento.


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.