Pandemia mudar hábito de forma radical dos brasileiros, Tv, Celular e Internet são essenciais

0
204

O brasileiro precisou mudar de hábito de forma radical, imaginar ficar confinado dentro de casa, veio logo a preocupação, logo esse povo que gosta de praia, futebol, barzinho e shopping entre outros.

O isolamento social causado pelo coronavírus aumentou o consumo de internet e causou mudanças no padrão de consumo da rede. O tráfego de dados usados em conferências de vídeo, serviços de streaming, notícias e sites de comércio virtual subiu desde a declaração da pandemia, principalmente nos países mais afetados. “O que estamos percebendo, além de um pequeno aumento de banda consumida, é uma mudança no perfil do uso de cada horário”, explica Julio Sirota, gerente de infraestrutura do IX.br.

A Anatel chegou até a recomendar a provedores que aumentem a capacidade fornecida aos usuários por causa da doença, inclusive com acesso sem cobrança na franquia de dados a informações oficiais do Ministério da Saúde. As operadoras de telefonia, em posicionamento conjunto, afirmaram que “reforçaram o compromisso com a garantia de conectividade”.

Rede é feita para resistir a mudanças

Apesar do leve aumento e das mudanças do perfil de consumo, não há preocupação com eventual interrupção do serviço. Embora alguns aplicativos e sites fiquem fora do ar ou tenham problemas de serviço, o núcleo da internet é mais robusto.

De acordo com Sirota, do IX.br, a internet é uma rede muito distribuída e resiliente, bastante imune a falhas. “A internet no brasil é muito robusta. Não devemos ter problemas nesse sentido”, disse. “Temos muita capacidade instalada, principais provedores de conteúdo tem bastante conectividade, e acesso é um gargalo.”

Por outro lado, Com a evolução do Coronavírus (Covid-19) e a determinação das autoridades para que aglomerações sejam evitadas, as operadoras de TV paga anunciaram ainda no inicio da pandemia, a liberação, sem custos adicionais, de canais de diversos gêneros para seus clientes. O objetivo é contribuir para a permanência de parte da população em suas residências, levando conteúdo, informação e diversão para aqueles que estarão em casa em cidades de todos os municípios do país, devido ao alto risco de contágio. A medida também se estende para serviços de streaming, além da ampliação da rede 4G e liberação de wi-fi em pontos específicos.

Dj Aildo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui