RN tem pelo menos 238 mil pessoas em busca de trabalho, diz IBGE

0
223

84 996140787O Rio Grande do Norte tem 238 mil pessoas em busca de trabalho. É o que aponta a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) divulgada pelo IBGE nesta sexta-feira (27) em referência ao trimestre entre julho e setembro de 2020.

Com isso, a taxa de desocupados (pessoas que estão desempregadas mas buscam trabalho) no estado potiguar foi de 17,3% neste período. Esse é o maior registro desde o primeiro trimestre de 2017, quando bateu 16,3%.

De acordo com o IBGE, essa taxa cresceu em 2020 se comparada com 2019. No mesmo período do ano anterior, ela era de 13,4%.

Neste ano, a desocupação manteve estabilidade em relação aos outros dois trimestres do ano, que registraram 15,4% (janeiro, fevereiro e março) e 15% (abril, maio e junho).

A estimativa do PNAD, portanto, é de 238 mil potiguares estavam sem trabalho no período da pesquisa e tomaram alguma medida para conseguir emprego no período de 30 dias, como entregar currículo, atender a entrevistas de emprego, inscrever-se em concurso, entre outras atitudes.

Essas pessoas estavam disponíveis para assumir o posto de trabalho naquela semana caso o tivessem encontrado, porém não obtiveram êxito.

Ocupação cai em 2020

A PNAD Contínua trimestral apontou ainda que o nível de ocupação – que representa o percentual de pessoas ocupadas em relação às pessoas em idade de trabalhar (com 14 anos) – foi de 39,5%.

Assim, a pesquisa estima que 1,13 milhão de potiguares estão ocupados. O total de pessoas em idade para trabalhar é de 2,88 milhões.

A pesquisa indica que houve estabilidade em relação ao trimestre anterior: de 39,4%. No entanto, a taxa caiu em comparação ao mesmo período de 2019, quando registrou 46,9%.

OIBGE apontou ainda que a taxa de participação na força de trabalho – que é o total de pessoas ocupadas ou desocupadas em relação à população em idade de trabalhar – foi de 47,8%.

Esse número indicou estabilidade em relação ao trimestre anterior, que registrou 46,3%, porém apresentou queda em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, que era de 54,2%

Posição das pessoas ocupadas

Do total de 1,13 milhão de pessoas ocupadas no RN, o IBGE estima que 47 mil eram empregadores. Dentre eles, 35 mil estavam registrados no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ). Outros 12 mil atuavam sem cadastro.

G1RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui