Senado aprova texto que estende auxílio emergencial de R$ 600 a pais ‘solo’ e mães adolescentes

0
518
Em sessão virtual, senadores votam projetos urgentes para o combate à covid-19 Leopoldo Silva/Agência Senado

O Senado aprovou em sessão virtual, nesta quarta-feira (1º), um projeto com alterações no auxílio emergencial de R$ 600 que deve ser pago a trabalhadores informais nos próximos três meses. O texto mantém o valor e a duração do benefício, mas inclui grupos sociais que não teriam direito ao auxílio pela proposta original.

Serão incluídos, se esse texto for aprovado: mães adolescentes; trabalhadores informais que, em 2018, tiveram rendimentos altos e foram excluídos da proposta original. O texto também dobra o valor pago a homens solteiros que sejam chefes de família. Eles poderão sacar duas “cotas” por mês, ou seja, R$ 1,2 mil. Mulheres nessa mesma situação familiar já estavam incluídas no auxílio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui