TSE estima receber 100 mil denúncias de fake news durante as eleições

TSE estima receber 100 mil denúncias de fake news durante as eleições
Redes Sociais

Os sucessivos ataques ao sistema eleitoral aumentaram a circulação de notícias falsas. A Assessoria Especial de Enfrentamento à Desinformação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estima receber cerca de 100 mil denúncias de fake news durante o pleito deste ano.

Além de notícias inverídicas, investidas do presidente Jair Bolsonaro (PL) sobre a confiabilidade do processo eleitoral e da segurança das urnas eletrônicas são combustíveis para esse panorama, avalia a Corte.

O tema tem sido amplamente abordado no tribunal. Nos últimos dias, dois movimentos importantes indicaram a preocupação da Justiça Eleitoral: a assinatura de um acordo entre o TSE e o Telegram para combater as fake news e a criação da Frente Nacional de Enfrentamento à Desinformação — mais um mecanismo para essa luta.

Desde 2021, quando foi criado o Programa de Enfrentamento à Desinformação, o combate às notícias falsas tomou grande parte da agenda do TSE. É uma reação ao que houve em 2018, quando a eleição ficou marcada pela forte atuação de grupos organizados que agiram na internet para produzir e disseminar conteúdos infundados ou deturpados.


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.