Aumento do gás de cozinha no RN

Redes Sociais


O gás de cozinha (GLP) vai sofrer um novo aumento nas distribuidoras a partir desta quarta-feira (7) e deve aumentar em cerca de R$ 5 a R$ 6 o preço do botijão no Rio Grande do Norte.

De acordo com o Sindicato dos Revendedores Autorizados de Gás Liquefeito de Petróleo (Singás-RN), o preço médio deve ficar em torno de R$ 120 no estado.

O aumento acontece por conta do dissídio coletivo dos trabalhadores do setor, que tradicionalmente ocorre no mês de setembro.

“As distribuidoras estão fazendo um repasse ao dissídio coletivo. É um reajuste que elas fazem em setembro. Vai ter um aumento próximo de R$ 5 a R$ 6 em setembro”, explicou Francisco Correia, presidente do Singás-RN. “Todo ano, no mês de setembro, tem esse reajuste do dissídio coletivo mais a inflação”, pontuou.

Há um ano, o preço do gás de cozinha atingia no RN o valor de R$ 107 e chegou a ser de R$ 130, em média, no início de 2022, mas sofreu uma redução há cerca de dois meses, segundo o Singás-RN. Em dezembro de 2020, o valor era de R$ 82 em média. O reajuste também vai atingir outros estados, como Paraíba e Bahia.


Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.