Esquema de segurança para o segundo turno já começou no RN

O esquema de segurança iniciou na manhã deste sábado para o segundo turno das eleições em todo o Rio Grande do Norte. Policiais militares se reuniram no quartel do Comando Geral para sair em direção às cidades do interior do estado. 

Ao todo, serão aproximadamente 8 mil militares que participam da segurança, nos 1.49 locais de votação do estado. O esquema deve contar com a presença de pelo menos dois agentes em cada ponto, a partir das 18 horas de hoje, até a meia noite do domingo (30). 

O deslocamento de parte dos policiais para os municípios do interior foi feito em ônibus cedidos pela Polícia Militar. Além disso, veículos de outras secretarias do estado, como a de Tributação, darão suporte ao policiamento. A necessidade de carros extras se dá em razão do efeito, que é triplo do habitual. 

Para reforçar a segurança, diante da ausência de forças também, a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros e o Município vão atuar no. Uma novidade é que pela primeira vez para funcionar nas segundas falhas do estado agentes penais também durante o pleito. 

A segurança das defesas vai proteger com reforço de 56 policiais penais, 160 militares dos bombeiros e 1.520 guardas municipais. Além de agentes da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). 

Durante o fim de semana, as quatro estações de plantação de Natal funcionando. E, no interior, com de mais 10 regionais nas cidades de São Paulo do Potengi, Mossoró, Caico, Pau dos Ferros, Macau, Nova Cruz, Patu, Alexandria, Santa Cruz e João Câmara.

Quatro de cada 10 armas de fogo registradas na PF estão com cadastro vencido

Segundo a Polícia Federal, de janeiro a outubro deste ano, os agentes apreenderam quase 10 mil armas de fogo com o registro vencido. Quatro de cada dez armas de fogo registradas na Polícia Federal estão com o cadastro vencido e não se sabe se foram para as mãos de bandidos.
A preocupação de especialistas aumenta diante dos números. São quase 6 milhões de armas de fogo cadastradas no sistema da Polícia Federal no Brasil.
Segundo a PF, 47% desse total estão com o registro vencido. Significa que, de cada dez armas no país, quatro apresentam irregularidade na documentação, que hoje tem que ser renovada de 10 em 10 anos.
Para renovar o registro de uma arma de fogo, o titular precisa mostrar que não tem antecedentes e que não está respondendo a um inquérito ou processo criminal. Ele também tem que comprovar novamente que possui capacidade técnica e psicológica para usar uma arma.
Quando esta documentação não está em dia, a Polícia Federal fica sem informações importantes para a segurança da população.
Segundo a Polícia Federal, de janeiro a outubro deste ano, os agentes apreenderam quase 10 mil armas de fogo com o registro vencido, mas não há efetivo suficiente para fazer uma busca ativa de milhares de armas em situação irregular, diz o presidente do Sindicato dos Delegados da Polícia Federal/MG, Rodrigo Teixeira.
“A Polícia Federal, historicamente, sempre teve um problema de efetivo, mas, a partir de 2019, nos últimos três anos, com essa flexibilização da possibilidade do cidadão adquirir armamento, isso agravou enormemente, agravou exponencialmente, essa questão do controle de armamento”, afirma.
A Polícia Federal é responsável pelo controle de armas de fogo em poder da população. Nos primeiros seis meses deste ano, a PF emitiu mais 117 mil novos registros de armas. Em todo o ano de 2012, por exemplo, o número de registros ficou em 53 mil.
O Exército controla os registros de armas de colecionadores, atiradores desportivos e caçadores, os chamados CACs, e também o armamento particular de militares. No sistema do Exército, constam 60 mil armas com registro vencido. O Exército não informa o número total de registros.
A posse de arma de fogo só é considerada crime quando o armamento não possui registro. Quando o proprietário é flagrado em posse de uma arma com o registro vencido, ele tem 60 dias para renovar, transferir para outro dono ou entregar a arma para a polícia.
O gerente do Instituto Sou da Paz, Bruno Langeani, afirma que é preciso reforçar a fiscalização de controle de armas no Brasil.
“A gente precisa ter uma mudança nas regras. O Brasil começou com o registro de armas com validade de três anos, depois passou para cinco e o governo, agora, passou para dez anos. É uma insegurança, é uma falta de controle que, na prática, vai desembocar em mais armas indo para o crime, mais crimes sendo cometidos com arma de fogo”, ressalta.

Policia Civil do RN tem déficit de 3,8 mil agentes, policiais cobram reposição de vagas

Com um déficit de 3,8 mil servidores na Polícia Civil, as entidades de representação da categoria apontam a necessidade de aumento do efetivo, com a convocação dos classificados no último concurso. Segundo o Sindicato dos Policiais Civis, o Estado teria como repor mais 115 vagas de agentes, escrivães e delegados, deixadas por aposentadorias, exonerações e falecimentos, além das 360 nomeações efetivadas na semana passada. A comissão de classificados do certame diz que há espaço para reposição imediata dos postos, mas “falta de vontade política”. Com 1.251 agentes, RN tem hoje menos policiais do que em 2016, quando o baixo efetivo de 1.352 agentes motivou a abertura do concurso, segundo levantamento.

“O Tribunal de Contas e o Ministério Público autorizaram o governo a repor as aposentadorias e as mortes desde 2016, que poderiam ter sido repostos de forma imediata pelo governo, mas o governo não quis, preferiu fazer uma turma menor de 400 e só formou 360. Se o governo quiser tem vaga de reposição imediata, não precisa nem fazer acordo. É isso que estamos cobrando”, diz Adson Felipe Rocha, membro da comissão dos classificados. A TN tentou ouvir o Governo do Estado sobre a possibilidade de novas convocações, mas não obteve retorno.

Entidades representativas dos policiais civis ressaltam que o processo em curso, que deve empossar 360 agentes até novembro, somente repõe parte das vagas abertas pelos policiais que se aposentaram e não representa incremento real do efetivo. Com os novos convocados, o efetivo deve chegar próximo a 1,5 mil agentes, mas o organograma da instituição prevê 5.150 profissionais, portanto o déficit deve permanecer na casa dos 70%. Atualmente, sem os novos nomes, o déficit da corporação é de 75,8%. O Estado ainda terá mais 154 vacâncias, de policiais civis aptos a pedir aposentadoria.

“O que o governo está fazendo hoje é repor uma parte que está saindo. Não existe ganho real nenhum para a instituição, para a sociedade. A Polícia Civil opera com um déficit absurdo e ele vem sendo agravado. Mesmo após a formação da primeira turma de 360 agentes, ainda está faltando policial para repor as vagas dos últimos seis anos. Então por isso é fundamental termos uma segundo turma, pelo menos para equilibrar e quem sabe ter um incremento real”, conta.

Tribuna do Norte.

Evento político com a Governadora é encerrado após homem efetuar disparos de arma de fogo

A governadora Fátima Bezerra (PT) participava de mobilização política pró-Lula em Macaíba, quando tiros foram disparados. Imediatamente a chefe do executivo estadual e as demais lideranças deixaram o local.

Também estavam na movimentação o vice-governador eleito Walter Alves, Rafael Motta, Carlos Eduardo e o vice-prefeito Netinho França. Ainda não se sabe a motivação dos tiros. A Polícia foi chamada mas não conseguiu identificar quem atirou.

A informação é que uma pessoa, em uma moto, teria disparado próximo ao local do evento, mas para cima. Os tiros causaram correria e o movimento foi esvaziado. Fátima e a sua equipe saíram rapidamente. Mas ninguém foi preso. Pelo Twitter, ela afirmou estar bem.

Oito pessoas são detidas no Interior do RN, após tentativa de fraude em provas teóricas no Detran

Oito pessoas foram encaminhadas para a delegacia de São José do Mipibu, na tarde desta sexta-feira (21), suspeitas de fraude durante provas teóricas no Departamento de Trânsito do Rio Grande do Norte (Detran/RN).  A tentativa de fraude ocorreu na cidade de São Paulo do Potengi, distante 80km de Natal.

De acordo com a Polícia Civil o candidato que ia fazer a prova técnica vestia roupas onde eram conectados equipamentos de comunicação como ponto eletrônico e microfone, enquanto um dos golpistas, ficava do lado de fora da sala de aula passando as respostas.

O esquema foi descoberto após um dos equipamentos apresentar problema. O candidato ao perceber a falha, teria ficado nervoso e deixado a sala de aula para encontrar o grupo que estava do lado de fora, o que chamou a atenção da polícia, que identificou o material.

O material utilizado e as pessoas envolvidas foram encaminhadas para a delegacia de São José do Mipibu.  Duas pessoas foram autuadas.

PM do RN cria aplicativo para aperfeiçoar policiamento nas eleições

A Diretoria de Tecnologia, Inovação, e Comunicação (DTIC), que é o órgão responsável pelo desenvolvimento das novas tecnologias no âmbito da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, desenvolveu aplicativo que aperfeiçoa o controle de ocorrências durante o período da operação Eleições 2022. A DTIC é coordenada pelo Coronel Elton.

Através da tecnologia, a PMRN consegue acompanhar no tempo de execução, em todos os 167 municípios potiguares, os diversos incidentes de segurança pública por meio de canal específico, garantindo uma resposta mais eficiente por parte dos mais de 8 mil policiais empregados no pleito eleitoral.

Nomeados agentes, escrivães e delegados da Polícia Civil do RN

Uma edição extra do Diário Oficial do Estado, publicada neste sábado (15), trouxe a lista dos nomeados para os cargos de agentes, escrivães e delegados da Polícia Civil. Todos são fruto do último concurso realizado no Rio Grande do Norte e foram nomeados, por ordem de classificação.

Atualmente, o número de Delegados, Agentes e Escrivão da Polícia Civil, é reduzido. O último concurso para o preenchimento de vagas, tinha acontecido em 2008.

RELACAO-DOS-NOMEADOS-PARA-A-POLICIA-CIVIL-DO-RN  Baixar

Secretário do município de Bodó foi vítima de acidente neste final de semana

O secretário de turismo da cidade de Bodó, Valdinho Pereira sofreu um acidente de trânsito nas primeiras horas deste domingo (16), em trecho da RN-203. Estrada de acesso a cidade de Bodó.

Valdinho Pereira viajava num veículo modelo Golf, quando nas imediações do Sítio Riachão, acabou perdendo o controle e o veículo saiu da pista vindo a capotar. De acordo com as informações, o mesmo foi atendido no local pelos profissionais de saúde do município de Cerro Corá, consciente aparentando não ter graves ferimentos, mais por precaução Valdinho foi em seguida  encaminhado para o Hospital Walfredo Gurgel em Natal.

Polícia Civil do RN faz a maior apreensão de cigarros contrabandeados nesse ano (Vídeo)

Policiais civis da 20ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Macaíba) realizaram, na tarde deste sábado (15), a segunda fase da operação “Câncer Maligno”, que resultou na apreensão de aproximadamente 500 mil maços de cigarros contrabandeados, a maior já registrada pela instituição esse ano, provocando um prejuízo de cerca de dois milhões de reais ao crime organizado

A mercadoria foi apreendida numa fazenda localizada no município de Bom Jesus, região agreste potiguar. No imóvel, também foram apreendidos sete veículos carregados com o mesmo material ilícito.

A ação também contou com o apoio da Polícia Militar. No momento da chegada dos policiais, os suspeitos conseguiram se evadir, não sendo possível efetuar suas prisões.

As investigações, que resultaram na ação repressiva deste sábado, se iniciaram em junho de 2021, quando foi deflagrada a primeira fase da Operação “Câncer Maligno”, ocasião em que a equipe da 20ª DP de Macaíba apreendeu 5 mil maços de cigarro em uma chácara naquele município.

Os suspeitos pela guarda e propriedade do material deverão responder por contrabando, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Incêndio de grandes proporções atinge comércio na BR-101 no RN

Um incêndio de grandes proporções ocorre desde o início da manhã deste domingo (16) na BR-101, especificamente no km 104, sentido Parnamirim-Natal. A informação foi confirmada pela PRF. De acordo com a polícia, o fogo acontece em um comércio local. Não há informações sobre vítimas.

Por conta da forte fumaça ocasionada pelo fogo, o trânsito está totalmente bloqueado na região. Segundo a PRF, os veículos precisam desviar para as vias locais e evitar o trecho. Ou seja, o fluxo segue pela marginal. Não há previsão de liberação. Ainda de acordo com informações das autoridades, PRF e Bombeiros atendem a ocorrência e tentam controlar o fogo.

TRIBUNA DO NORTE