Ordenação episcopal do cerrocoraense monsenhor Alcivan Tadeus Gomes de Araújo, confira imagens

Ordenação episcopal do cerrocoraense monsenhor Alcivan Tadeus Gomes de Araújo, confira imagens
Redes Sociais


A ordenação episcopal do cerrocoraense monsenhor Alcivan Tadeus Gomes de Araújo, ocorrida nesta sexta-feira,02 de fevereiro de 2024 na Catedral de Sant’Ana, em Caicó, reuniu a cúpula do clero católico do Rio Grande do Norte.

Um momento marcante também para um grupo de cerrocoraense que foram prestigiar a solenidade, apesar de ficarem acompanhando por um telão instalado fora da matriz devido ao grande numero de participante na cerimonia de posse.

Alcivan teve sua escolha como bispo auxiliar de João Pessoa, capital da Paraíba, na cerimônia cerca de 100 padres, 16 bispos, 40 diáconos, 30 seminaristas e 20 religiosas, além políticos, amigos conterrâneos e familiares vieram participar e prestigiar.

Programada para a data, a ordenação de Alcivan Gomes como bispo coincidiu com a festa da apresentação do Senhor, numa cerimônia presidida por dom Antônio Carlos Cruz Santos,  bispo Diocesano de Caicó, coadjuvado por outros dom Heitor de Araújo Sales, arcebispo emérito de Natal, e dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, Arcebispo da Paraíba.

Padre Alcivan, nascido em 21 de maio de 1972 em Cerro Corá (RN), é filho do saudoso Valdenor Florêncio de Araújo e Francisca Alcioneide Gomes de Araújo. Ele iniciou sua formação no Seminário Diocesano Santo Cura d’Ars, em Caicó, em 1990. No ano seguinte, transferiu-se para o Seminário Arquidiocesano de São José do Rio de Janeiro, onde estudou filosofia na Faculdade Eclesiástica de Filosofia João Paulo II e teologia no Instituto Superior de Teologia da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, de 1993 a 1996. Foi ordenado padre em 1º de fevereiro de 1997.

Possui mestrado em Direito Canônico pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma, tendo completado sua formação entre 2009 e 2012.

Na diocese de Caicó, exerceu várias funções, incluindo as de pároco, vigário episcopal para os Ministérios e Vocações, ecônomo, vigário judicial da diocese e vigário judicial adjunto, além de vice-presidente do Tribunal Eclesiástico Interdiocesano de Natal, capital potiguar. Também foi diretor espiritual da Casa de Formação Inicial São João Paulo II e do Seminário Diocesano Santo Cura d’Ars, e diretor assistente das Rádios 95.9 FM e 102.7 Rural FM de Caicó. Participou como membro do Colégio dos Consultores e do Conselho Presbiteral, da Comissão Diocesana de Arquitetura e Artes Sacras, e do Conselho Diretor da Fundação Educacional Sant’Ana.

Ao longo de sua trajetória pastoral, desempenhou papéis como vigário paroquial das Paróquias de Sant’Ana e Imaculada Conceição em Currais Novos (1997), reitor do Seminário Diocesano Santo Cura d’Ars (1998), administrador da Área Pastoral Autônoma de Nossa Senhora do Patrocínio em São Fernando (RN) (1998), pároco da Paróquia de São Francisco de Assis em Lagoa Nova (RN) (1999-2002), presidente do Departamento Diocesano de Ação Social/DDAS (2004-2007), pároco da Paróquia de São Sebastião de Parelhas (RN) (2003-2009), administrador paroquial da Paróquia de Nossa Senhora dos Remédios de Cruzeta (RN) (2012), pároco da Paróquia de Sant’Ana de Caicó (2015-2022) e pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Jardim do Seridó (RN) (2023).


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *