Banco Mundial encerra agenda de visitas ao RN

Banco Mundial encerra agenda de visitas ao RN
Redes Sociais

O último dia de visitas presenciais às ações do Governo do RN viabilizadas com recursos do empréstimo com o Banco Mundial iniciou por São Gonçalo do Amarante. O secretário de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Projeto Governo Cidadão, Fernando Mineiro, apresentou ao futuro gerente do Projeto junto ao Banco Mundial, Eirivelthon Lima, as funcionalidades da Estrada da Produção, que está sendo construída na região metropolitana, integrando a capital a municípios vizinhos.

O investimento de R$ 20,1 milhões já está concluído nos 13 km de extensão da via que abrange dois trechos distintos. O primeiro, de 7,9 km, liga São Gonçalo do Amarante à Serrinha (entroncamento do acesso sul ao Aeroporto e ao entroncamento da RN 312). E o segundo, um ramal que vai até Boa Vista, soma 5km. Como o nome diz, a via tem a função de escoar a produção nessa região. “É importante que o Banco conheça bem a nossa realidade para que possamos potencializar o uso destes recursos até o final do Projeto”, disse Mineiro.

O segundo ponto visitado nesta sexta-feira foi a Escola Estadual Zila Mamede, na zona norte da capital. A unidade entregue reformada e ampliada neste ano também recebeu equipamentos para melhorar o aprendizado de 700 estudantes dos Ensinos Fundamental e Médio. Foram investidos R$ 3,1 milhões, entre obras, mobiliários aparelhagem de laboratórios, utensílios de cozinha e condicionadores de ar.

O local ganhou novas salas de aulas, bibliotecas, sala multifuncional, laboratórios, quadra coberta e anfiteatro, entre outros espaços, e estava há décadas sem receber manutenção. A escola nomeada em homenagem a uma das maiores poetisas nordestinas é uma das 40 que foram ou estão sendo reformadas pelo Governo do Estado por meio do Governo Cidadão, com recursos de empréstimos junto ao Banco Mundial.

Na parte da tarde a agenda dos gestores foi encerrada com uma visita ao Laboratório de Anatomia Patológica, localizado em Natal. A unidade de Saúde tem como principal função agilizar os exames de diagnóstico para tratamento oncológico, com destaque para o câncer de colo de útero e de mama. Para isso serviram os recursos de R$ 5,9 milhões cuja obra do prédio foi concluída em setembro de 2020 e agora passa por uma fase de readequações.

Com a capacidade de realizar 110 mil exames por ano, o equipamento alinhará o Estado à sua efetiva obrigação como controlador da qualidade dos exames citológicos, facilitando os fluxos, de forma que doenças sejam diagnosticadas no tempo ideal para o início do tratamento. Novos exames, como imuno-histoquímica e biópsias guiadas por agulhamentos, serão disponibilizadas em um ambiente arquitetonicamente inovador e de tecnologia avançada para a saúde pública.

“Essa missão, de 80% campo e 20% escritório, foi projetada desta maneira para que eu pudesse conhecer os investimentos nas diferentes áreas, para entender como o Estado está se organizando na execução dessas atividades. Tive uma grata surpresa ao ver esse trabalho espetacular de coordenação interna do Governo para cumprir metas e entregar produtos de boa qualidade”, disse Eirivelthon completando: “espero voltar em outras missões e ver todos esses equipamentos que estão sendo construídos agora, em fase de operação”.

Durante esta semana, ainda foram visitados equipamentos que receberam melhorias por meio do Projeto, como o Forte dos Reis Magos, o Teatro Alberto Maranhão e a EDTAM em Natal. Pelo Oeste, o especialista conheceu um empreendimento de Inclusão Produtiva de polpa de frutas, na comunidade Mulugunzinho; a construção do maior equipamento em saúde do RN, o Hospital da Mulher, ambos em Mossoró; e também a RN 016, construída para auxiiar no escoamento da produção de Carnaubais, Serra do Mel e Mossoró. Já no Vale do Açu, o Distrito Irrigado do Baixo Açu (DIBA) foi vistoriado. Pelo Seridó, a Central do Cidadão de Caicó e ações com foco no fortalecimento da pecuária leiteira, como a queijeira JC, em Caicó, e um curso de inseminação artificial em Cruzeta, foram acompanhados.


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *