Irmãs Josefinas encerram suas atividades católica em Cerro Corá-RN

0
429

No ano em que a comunidade católica de Cerro Corá comemorou os 50 anos da presença das Irmãs Josefinas no município, também está sendo o ano do afastamento delas em nossa comunidade. Elas deixaram uma carta oficial com os leigos Josefinos. Foi uma decisão em assembleia do Conselho Superior das Josefinas do Instituto Josefino de Fortaleza – CE.

Vale salientar que não foram apenas as irmãs que estavam em Cerro Corá que passaram por essa mudança, em sua decisão o Instituto Josefino, precisaram deslocar as irmãs para as casas de formação, onde elas têm colégios.

Nesta carta, as ultimas irmãs que estavam aqui em Cerro Corá, deixaram seus  agradecimentos, pela acolhida e pelo tempo de missão em nossa cidade. Aqui tiveram sua casa construída, reformulada com moveis, uma estrutura digna e condições de manutenção, com liberdade em suas atividades de grande proveito, com cunho socioeducativo religioso.

A Comunidade Josefina em Cerro Corá chegou aos 28 de julho de 1969. Nessa época Dom Manoel Tavares era Bispo de Caicó. Por ocasião dessa fundação, esteve presente em nossa cidade Dona Rosita Paiva (1909-1991): Madre. Diretora, Fundadora e Superiora Geral da Congregação, entre outras(os) representantes, nesta época Padre Ausônio de Araújo, era o vigário de Cerro Corá.

No mês de julho, data festiva para elas, aconteceu uma missa solene pelos 50 anos de fundação da comunidade Josefina Judite Marinho, realizada na Igreja de São João Batista, com celebração do bispo diocesano de Caicó, dom Antônio Carlos Cruz Santos, concelebrada por outros sacerdotes. Ao fim da missa, foi descerrada uma placa comemorativa ao jubileu de ouro.

Resta-nos agradecer a todas pelos ensinamentos, convivência, e desejar muitas bênçãos e boa sorte.

Fotos:Aristeia Dantas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui