‘Não vai ter carnaval ano que vem. Se tiver, está errado’, diz Drauzio Varella

‘Não vai ter carnaval ano que vem. Se tiver, está errado’, diz Drauzio Varella
Redes Sociais

Com o avanço da vacinação, alguns governadores já trabalham com a possibilidade de retomar a organização do carnaval em 2022. Para o médico e escritor Drauzio Varela, porém, mesmo com a queda em alguns índices da pandemia, ainda não é hora de promover aglomerações de tamanha magnitude.

“Não estamos em situação ideal, mas estamos um pouco melhor. 500 mortes por dia ainda é muito. A epidemia não acabou e nem vai acabar, não vai ter Carnaval ano que vem, se tiver está errado, porque corremos risco de repiques”, disse, em entrevista ao UOL News.

O médico também defendeu as medidas de prevenção, como o uso de máscaras e o distanciamento social. “Temos que pensar: a epidemia sumiu? Não. Então tenho que usar máscara em ambientes fechados”.

“Aprendemos que em ambientes abertos e bem ventilados você pode ter mais segurança. É preciso usar máscara na rua porque de repente você entra em uma loja ou encontra alguém”, disse. “Máscara é obrigatória nesse momento e não há o que discutir, é chato, é ruim, mas tem que usar para proteger você, os outros e sua família”.

Na semana passada, uma pesquisa divulgada pelo Datafolha revelou que mesmo com o avanço da vacinação e a crescente percepção de que estamos caminhando rumo ao controle da pandemia, 91% dos brasileiros avaliam que a máscara deve continuar sendo obrigatória no país .

Para 80% das pessoas ouvidas no mesmo estudo, a pandemia está parcialmente controlada – 71% – ou totalmente controlada – 9%. Outros 20% avaliam que está fora de controle, e 1% não soube responder.

R7


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *