Pluviometria em Cerro Corá ainda não é a esperada, chuvas não garantiram águas nos reservatórios

Pluviometria em Cerro Corá ainda não é a esperada, chuvas não garantiram águas nos reservatórios
Redes Sociais

Os comparativos de chuvas em Cerro Corá nos primeiros quatro meses deste ano de 2022 é bem maior que o do ano passado, isso não foi o suficiente para armazenamento de água em açudes, barreiros ou similares, o que vem causando preocupação para os agricultores, em algumas comunidades a agricultura de subsistência até vingou, feijão e milho ainda resistiram para quem plantou cedo e aproveitou as primeiras chuvas.

Por outro lado já começam as solicitações por carro pipa para abastecer cisternas que estão vazias nas comunidades, principalmente na região do sertão cerrocoraense.

Ainda estamos no período chuvoso, o mês de maio ainda ascende a esperança de termos chuvas para encher pelo menos cisternas e barreiros ou até mesmo alguns açudes no município de Cerro Corá.

Mapa:Clodoaldo Cândido.


Redes Sociais

djaildo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.